Entrevistas

29 Junho 2022

Ricardo Correia: “Sobrecarga de tarefas dos clínicos do SNS” é um dos fatores de base da desvalorização da DVC e psicopatologias associadas

As pessoas com doença venosa crónica (DVC) sintomática apresentam, com frequência, distúrbios de ansiedade e depressão. A confirmação de gravidade clínica de DVC, baixa qualidade de vida e psicopatologias concomitantes sugere a necessidade de uma abordagem psicológica adjuvante aos doentes com DVC. Ricardo Correia, especialista em Angiologia e Cirurgia Vascular e primeiro autor do estudo “Relação da doença venosa crónica avançada com a psicopatologia e a qualidade de vida”, em entrevista, explica melhor determinados conceitos e principais desafios no tratamento destes doentes, assim como o impacto da evolução das intervenções cirúrgicas nos outcomes dos doentes.

Por favor faça login ou registe-se para aceder a este conteúdo.